Nos acompanhe

Negócios

João Azevêdo abre Salão do Artesanato nesta quarta-feira e convida população a prestigiar o evento

Publicado

em

O governador João Azevêdo abre, nesta quarta-feira (12), às 15h, em João Pessoa, a 33ª edição do Salão do Artesanato Paraibano. O evento, que ocorrerá até 6 de fevereiro, em uma megaestrutura na Orla de Cabo Branco, vai reunir trabalhos de 400 artesãos, mostrando o potencial cultural e econômico do segmento para um público estimado em 100 mil pessoas.

Nesta edição, artesãs dos municípios de Pitimbu, Cabedelo e João Pessoa que trabalham com matérias-primas do ambiente-marinho, a exemplo de escamas de peixe e conchas de marisco, serão as homenageadas, sob o tema “Toda Arte que Vem do Mar”.

O governador João Azevêdo, que tem destacado o potencial econômico do artesanato paraibano, falou da satisfação da volta do Salão do Artesanato de forma presencial. “Ano passado, devido à pandemia, não fizemos o Salão presencial, foi on-line, mas este ano, felizmente, estamos com o Salão do Artesanato na praia de Cabo Branco, que tem bastante movimentação de turistas e também de pessoenses. Vamos ter 400 expositores paraibanos mostrando diversos tipos de artesanato”, frisou, lembrando o lado solidário do evento que, de forma não obrigatória, vai solicitar um quilo de alimento não perecível, em uma parceria entre a Secretaria de Estado do Desenvolvimento Humano e o Hospital Padre Zé.

O chefe do Executivo estadual convidou toda a população para prestigiar o 33° Salão do Artesanato Paraibano: “Todos estão convidados a prestigiar este Salão, que vai homenagear toda arte que vem do mar. Vale a pena conhecer nosso belo artesanato, que hoje é um segmento muito forte aqui na Paraíba”, disse.

Por sua vez, a primeira-dama do Estado e presidente de Honra do Programa do Artesanato Paraibano (PAP), Ana Maria Lins, desejou sorte aos artesãos, lembrando os momentos difíceis que a categoria enfrentou por conta da pandemia mesmo com as ações adotadas pelo Governo do Estado. “Com a chegada deste momento, após tudo que passamos, o sentimento é de muita felicidade. O Salão é um evento que, além de divulgar as riquezas da Paraíba, significa geração de renda, de emprego, dando dignidade aos artesãos e artesãs. Desejo muita sorte nesta grande retomada”, comentou.

A gestora do PAP, Marielza Rodriguez, também destacou a expectativa com o retorno do evento presencial. “O coração de todos nós que fazemos o PAP, de nossos parceiros, está a mil, com muita expectativa. O sentimento é de gratidão; ao governador João Azevêdo pelo apoio e envolvimento pessoal nessa retomada, à presidente de Honra do PAP, Ana Maria Lins, por todo o estímulo e ações nos momentos mais difíceis, e aos nossos artesãos e artesãs, por terem acreditado na chegada deste momento. Agora a responsabilidade fica com a população em prestigiar esse Salão, que é tão simbólico, tão importante”, disse.

O evento, tradicionalmente realizado duas vezes ao ano – em janeiro, em João Pessoa; e, em Campina Grande, no mês de junho – já faz parte do calendário de eventos do Estado, sendo uma grande oportunidade de reunir a família e amigos, pois, além das peças artesanais, verdadeiras obras de arte, conta com o melhor da gastronomia e com diversas atrações culturais.

As homenageadas – Artesãs dos municípios de Pitimbu, Cabedelo e João Pessoa serão as grandes homenageadas do 33° Salão do Artesanato, cumprimento da promessa do governador João Azevêdo, feita ao grupo ainda no primeiro ano da gestão.

Lia Caju, do município de Pitimbu, não esconde a satisfação de ser homenageada no principal evento do segmento. “Quando Marielza me deu a notícia de que a gente ia ser homenageada nesse Salão, fiquei sem palavras. Mesmo com a certeza do valor do nosso trabalho, só temos a agradecer ao governador João Azevêdo pela lembrança”, comentou.

O tema desta edição, “Toda Arte que Vem do Mar”, proporcionou o surgimento de novos talentos, a exemplo da artesã do bairro Renascer, em Cabedelo, Josicleide Francelino. “É com grande orgulho e com muita responsabilidade que tanto participo quanto recebo essa homenagem do Salão do Artesanato”, agradeceu.

Com a participação dos trabalhos de 400 artesãos, reunindo as mais diversas tipologias do Litoral ao Sertão do Estado, a organização do evento estima um volume de negócios, entre vendas e encomendas, em R$ 1 milhão, com um público estimado em 100 mil pessoas.

Além das homenagens, o Salão vai contar com uma galeria com 11 artesãos, além de um espaço ambientado com uma réplica do Centro de Renda Renascença e do Artesanato (Crença). Localizado em Monteiro, no Cariri paraibano, o equipamento foi entregue pelo governador João Azevêdo, em parceria com a Prefeitura do município, em novembro do ano passado.

O horário de visitação do Salão do Artesanato será das 16h às 22h, de 12 de janeiro a 6 de fevereiro. A megaestrutura estrutura, com os trabalhos de 400 artesãos, fica localizada na Orla de Cabo Branco, n 2.260, logo após o Jangada Clube (antigo prédio do BNB Clube).

O Salão do Artesanato Paraibano é uma realização do Governo da Paraíba e do Sebrae-PB em parceria com o Empreender-PB; Empresa Paraibana de Comunicação (EPC); Companhia de Água e Esgotos da Paraíba (Cagepa); Departamento Estadual de Trânsito da Paraíba (Detran-PB); Junta Comercial do Estado da Paraíba (Jucep); Procon-PB; Fundação Espaço Cultural José Lins do Rego (Funesc); Federação das Indústrias do Estado da Paraíba (Fiep); Prefeitura Municipal de João Pessoa; e Arquidiocese da Paraíba.

33° Salão do Artesanato Paraibano

Data : 12 de janeiro a 6 de fevereiro
Visitação : 16h às 22h
Local : Avenida Cabo Branco, 2.260 (após o Jangada Clube)

Continue Lendo

Negócios

Seguindo a linha conforto e elegância, coleção BA’RA Hotel é apresentada em desfile especial

Publicado

em

Por

Redação do Portal da Capital
No BA’RA Hotel, tudo é experiência. A apresentação da coleção das peças que serão usadas pelos colaboradores a partir do dia 6 de outubro não poderia ser diferente e aconteceu em um desfile especial, com direito a passarela, música ao vivo, plateia e modelos. O evento ocorreu no Tropical Garden do BA’RA e contou com a presença dos colaboradores, investidores e alguns convidados especiais.
Ao todo, 41 colaboradores subiram à passarela para apresentar as peças que serão a vestimenta diária deles e de todo o time. Mensageiro/ mensageira, gestores, coordenadores, recepcionistas,  atendente spa feminino, wellness masculino e feminino, camareira, auxiliar serviços gerais feminino, arrumadeiro, manutenção, hostess, sommelier masculino e feminino (maître executivo, maître e chefe de bar), garçom, cumin, garçonetes, chefe de fila, bartender, mixologista, chef executiva, sous chef, cozinheiros, administrativo masculino e feminino – todos os uniformes foram apresentados em primeira mão, em uma coleção desenvolvida exclusivamente para o BA’RA, com estampas especiais, seguindo o conceito do hotel.
A coleção – As roupas apresentadas seguem o conceito dos estilos praia e lifestyle urbano. Porém, a ideia é não se prender a estereótipos. Foi  o que garantiu Gabriela Maroja, chief culture officer da Livre Escola Criativa e Consultoria e uma das responsáveis pela criação de moda. Fugindo do estilo minimalista e do tradicional preto, as principais inspirações da coleção  BA’RA são as praias de João Pessoa, as construções  e a própria história da cidade. Já a paleta leva cores vai do rosa antigo/rosê, ocre, marrons e tons de areia. As estampas, feitas especialmente para o BA’RA, estão presentes em alguns modelos e levam nomes como “ilha”, “correnteza” e “maré”.  “Nós abolimos as gravatas, e também não terá nada justo, seguindo as tendências internacionais, que pregam liberdade e conforto. As roupas, muitas em alfaiataria, seguem modelagem mais amplas e com truques de conforto, como mangas 7/8, cinturas, com meio elástico, calças tipo cenoura para mulheres, ou calças “loose fit”, com barra dobrada para os homens. A maioria dos looks, mesmo em alfaiataria,  funciona com tênis, pois acreditamos que o funcionário sem dores nos pés, sem limitações nos movimentos, fica mais descansado e feliz”, detalhou Gabriela.
Além de Gabriela Maroja, a equipe de produção contou com Larissa Uchoa e Helena Dieb, da Livre Escola Criativa & Consultoria.  A alfaiataria feminina ficou a cargo de Maria Célia Lima, a camisaria e alfaiataria masculina, com Luciana Silva e Flavia Oliveira, os looks de serviços gerais e cozinha, por DAM uniformes, e roupas de praia e piscina pela Xamego Moda Praia. Os modelos para equipe de restaurante e governança foram de responsabilidade da Formato X, liderada por Dona Leda. As peças de recepção, restaurante e bar foram produzidos por Janete Vieira; hostess, por Dona Terezinha; administrativo, pelo Ateliê Jane Souza; estampas e lenços, pela Euforia; estampas, pela Designs Serigrafia; e pochetes, por Gilson Gomes.
O desfile – Todos os modelos que subiram à passarela  foram voluntários. Já a produção do desfile foi de Luana Telles, gerente de Qualidade do BA’RA, e contou com apoio de Prime Eventos, Loyola Eventos, Lumiare Produções, Md Eventos, Salão 712 by Sara Ramos e equipe. Além disso, o evento contou com as participações da cantora Adriana Cabral e da jornalista Andreia Barros, como mestre de cerimônias.
Como participação especial, o desfile contou com a presença de Kennya Araújo, Miss Paraíba 2019 e modelo internacional, que veio a convite da direção do BA’RA. “É uma honra fazer parte deste momento que antecede a estreia do Hotel. Em vários eventos, em que pude representar a Paraíba pelo mundo, pude perceber a curiosidade das pessoas em conhecer nossas praias e nossa cultura, e este projeto vem justamente atender a esta demanda com excelência e qualidade”, contou Kennya.  “Que privilégio e emoção assistir e participar deste momento, conhecer as responsáveis por esta coleção belíssima. Não posso poupar agradecimentos a todos que participaram e realizaram este desfile icônico que demonstra amor, diversidade, inclusão e empatia. Não tenho palavras para descrever quem fez e faz parte da construção deste projeto, que já é realidade. Obrigado!”, disse o diretor geral do BA’RA, Gefferson Alves.
O hotel – Localizado na Praia de Cabo Branco, o BA’RA Hotel é fruto da união entre a Construtora Massai, do jogador de futebol e empreendedor Hulk, da Florense Paraíba e da Hofmann Station. A propriedade conta com 123 unidades, sendo 4 suítes de dois tamanhos diferentes e 119 apartamentos de 22 a 36m². O projeto arquitetônico é assinado pelo Plan-B Arquitectos, o paisagismo por Patrícia Lago e os interiores por Sandra Moura.
As reservas para o BA’RA já podem ser feitas pelo site: https://barahotel.com.br e pelo email [email protected].  Para acompanhar as novidades, o perfil no Instagram é @barahotel.

Continue Lendo

Negócios

Seminário vai reunir pesquisadores e estudiosos da cachaça em João Pessoa

Publicado

em

Por

Redação do Portal da Capital

Da tributação à gastronomia e drinkologia. Da magia da fermentação aos caminhos pela Paraíba e no exterior. Esses são alguns dos temas que vão fazer parte do II Seminário de Cachaças do Brasil que está com inscrições abertas e deve reunir em João Pessoa nos dias 21 e 22 de outubro pesquisadores e estudiosos desse destilado, um dos mais consumidos no mundo.

O II Seminário integra a programação do Brasil Cachaças, evento que vai acontecer no Espaço Cultural incluindo uma feira que já conta com a participação confirmada de 60 cachaças, incluindo 23 da Paraíba e representantes também dos estados de Pernambuco, Alagoas, Bahia, São Paulo, Minas Gerais, Paraná e Santa Catarina.

Para se inscrever no seminário, basta acessar o site do evento e clicar na aba ingressos. A primeira palestra será com o professor André Ricardo Alcarde sobre metodologia para determinar o grau de envelhecimento da cachaça. Ele é Engenheiro Agrônomo, Mestre e Doutor pela Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz da USP.

Logo em seguida, o tema Magia da Fermentação será trazido pelo consultor nas indústrias de alimentos, bebidas e bioprocessos João Scavuzzi; A Sommelier de Vinhos e Cachaça e Consultora de Bares e Restaurantes Jessica Sanches vai trazer ao seminário o instigante tema da ‘Mixologia e drinkologia, será o futuro da cachaça?’.

Fechando a programação do dia, uma Mesa Redonda sobre a Tributação da Cachaça com o advogado tributarista Felipe Crisanto e o Procurador da Fazenda Nacional Yuri Excalibur sob a mediação do diretor executivo do Instituto Brasileiro da Cachaça (IBRAC), Carlos Lima.

O II Seminário de Cachaças do Brasil ainda vai trazer no dia 22 de outubro palestras sobre Cachaça e Gastronomia Brasileira, com o Chef Cumpadre João; Cachaça, diferentes estilos do destilado que formam um país com Felipe Jannuzzi, fundador do Mapa da Cachaça.

Também serão apresentados ‘Os caminhos da cachaça na Paraíba’, palestra da professora Ingrid Dantas, do departamento de Gastronomia da UFPB; A Mesa Redonda do dia vai debater o Mercado da Cachaça no Brasil, com a participação de Illan Oliveira da Distribuidora Solution, Cícero Bernardo da Silva – da Associação dos Supermercados da Paraíba (ASPB), tendo como mediador Múcio Fernandes da Cachaça São Paulo.

O Brasil Cachaças é um evento patrocinado pela prefeitura de João Pessoa e tem como parceiros colaborativos o Governo do Estado da Paraíba, Fundação de Apoio à Pesquisa (Fapesq-PB), Fecomercio-PB, Sebrae-PB, prefeitura de Cabedelo, Instituto Brasileiro da Cachaça (IBRAC), Associação Paraibana de Produtores de Cachaça de Alambique (ASPECA) e Associação de Produtores de Cachaça de Areia (APCA).

Continue Lendo

Negócios

Cooperativa Sicredi alcança 40 mil associados na Paraíba e cerca de R$ 2,5 bilhões de ativos totais

Publicado

em

Por

Redação do Portal da Capital

A cooperativa Sicredi Evolução anunciou a marca de 40 mil associados na Paraíba e o volume de R$ 2,5 bilhões de ativos, números que a colocam como a maior instituição financeira cooperativa do Nordeste.

Para João Bezerra Júnior, presidente da Sicredi Evolução, “a cooperativa tem feito um trabalho de valorização dos associados, com qualificação dos colaboradores e busca constante pela excelência na qualidade do atendimento. Isso tem repercutido no processo de expansão das agências e crescimento dos negócios, culminando com números de tamanha expressividade, o que nos traz muito orgulho em compartilhar com todas essas importantes conquistas”.

A Sicredi Evolução está presente em 173 municípios na Paraíba, com 24 pontos de atendimento aos associados. A cooperativa tem índice de satisfação com o atendimento superior a 80% e faz um importante trabalho de educação financeira e promoção social no Estado. Com taxas de juros mais ajustadas, ao final de cada exercício, distribui seus resultados com os associados, importante diferencial de quem possui como missão agregar renda para o quadro social e desenvolver a região.

A cooperativa integra o Sistema Sicredi, a primeira instituição financeira cooperativa do Brasil e da América Latina, com 120 anos e mais de dois mil pontos de atendimento no pais, com seis milhões de associados.

Perfil dos associados – A maior parte dos associados da Sicredi Evolução é formada por pessoas físicas, correspondendo a 80% do quadro social. Hoje, mais de 7 mil empresas de diferentes portes também possuem conta na cooperativa. Atualmente, já passam de duas mil contas na plataforma digital do Sicredi, uma novidade que agiliza a associação.

Podem se associar ao Sicredi estudantes, profissionais das mais diversas áreas e autônomos. Todos contam com as mais de 300 soluções financeiras do Sicredi, além de direito a voto e participação nas assembleias.

Continue Lendo