Nos acompanhe

Paraíba

Centro de Reabilitação de Sousa entrega aparelhos auditivos para pacientes de 17 municípios

Publicado

em

O Centro Especializado em Reabilitação (CER IV) do município de Sousa realizou a primeira entrega de Aparelhos de Amplificação Sonora Individual (AASI) da unidade nessa segunda-feira (23). Um total de 72 próteses auditivas estão sendo ofertadas nesta remessa, beneficiando 39 pacientes de todas as faixas etárias que residem em 17 municípios do Sertão e Alto Sertão Paraibano.

Os usuários têm acesso ao atendimento por meio do encaminhamento do município de origem e também por demanda espontânea. A diretora da unidade, Márcia Virgínio, explica que ter esse atendimento no município de Sousa é um investimento na qualidade de vida dos paraibanos, pois, antes da habilitação do serviço, as pessoas tinham que buscar este recurso na Fundação Centro Integrado de Apoio à Pessoa com Deficiência (Funad), em João Pessoa.

“A reabilitação auditiva é uma assistência essencial que fomenta a possibilidade de socialização do paciente, que pode vir a se isolar ou abdicar das atividades de rotina por conta da perda auditiva. É muito importante ter um serviço dessa natureza para a população da 3ª Macrorregião de Saúde, proporcionando à pessoa com deficiência auditiva a minimização da perda, possibilitando maior independência, qualidade de vida e inclusão social”, observou.

A agricultora Iris Alves Lins, de 30 anos, teve seus dois filhos beneficiados com a entrega da primeira remessa de aparelhos auditivos do CER IV de Sousa: Yuri Gabriel, de 10 anos, e Alícia Vitória, de três. Ela conta que os filhos apresentaram sinais da perda auditiva desde muito cedo e que os aparelhos vão garantir um melhor desenvolvimento para os dois. “Eles não atendiam nosso chamado e não falavam. Os dois têm dificuldade na escola e o aprendizado é lento”. Íris conta que toda a família comemorou a notícia da chegada dos AASIs e a expectativa para o futuro é boa. “Alícia ficou encantada com os sons e demonstra muita felicidade quando descobre algo que faz barulho ou escuta uma voz. Yuri não para de fazer ruídos para chamar a atenção da irmã. Agora sei que os dois vão se desenvolver melhor, ter um dia a dia mais fácil e um futuro diferente do que poderiam ter antes”, comentou expressando sua alegria.

Os AASIs são indicados para diferentes níveis de perda auditiva e funcionam amplificando o som para que o paciente tenha a possibilidade de ouvir, mesmo com a limitação fisiológica. As próteses auditivas podem ser utilizadas em apenas um ouvido ou nos dois, como é o caso de Yuri e Alícia. O CER IV de Sousa tem pacientes com idades entre 02 e 86 anos e conta com otorrinolaringologistas e fonoaudiólogos que vão avaliar cada caso individualmente. A unidade também oferece todos os exames para especificar o tipo de aparelho indicado para cada um deles.

Márcia Virgínia destaca que a unidade conta também com uma equipe que realiza o acompanhamento após a entrega das próteses auditivas. “Depois do recebimento do AASI, o paciente continua realizando os atendimentos na unidade. A frequência desse acompanhamento varia com a idade do usuário, podendo ser trimestral ou semestral. Em caso de intercorrência, a visita deve ser antecipada”, explica.

O Centro de Reabilitação atende pessoas com os mais diversos tipos de deficiência, sem que precisem se deslocar para Campina Grande ou João Pessoa, em busca de diagnóstico e tratamento adequado. Na unidade há espaços de atenção ambulatorial especializada em reabilitação para atender usuários encaminhados pela rede básica de saúde, por hospitais e também os que chegam por conta própria. Além do serviço de reabilitação auditiva, o CER IV de Sousa oferece atendimento terapêutico motor, fonoterapia infantil e adulto, arteterapia, integração sensorial, psicomotricidade, orientação e mobilidade, psicologia infantil e adulto, estimulação oral, estimulação precoce, habilidades cognitivas, atividade de vida diária – AVD e fisioterapia motora.

Continue Lendo

Paraíba

HNL realiza mutirão de cirurgias em alusão a prevenção do câncer de pele

Publicado

em

Por

Redação do Portal da Capital

Um dia repleto de esperança no Hospital Napoleão Laureano! Nesse fim de semana, o setor de dermatologia realizou o mutirão de cirurgias contra o câncer de pele em cerca de 30 pacientes oncológicos do HNL. Uma ação que contou com a participação de cirurgiões dermatológicos dos estados de São Paulo, Minas Gerais, Rio de Janeiro e do Rio Grande do Sul que vieram participar de forma voluntária desse dia de muito trabalho e solidariedade.

Seu Gilvado Inácio da Silva, 69 anos, foi um dos pacientes contemplados pelo mutirão e afirma que foi um dia de muita alegria. “Hoje estou feliz todo! Uma grande felicidade tirar essas ‘murrinhas’ que estavam ‘comendo meu couro’. Graças a Deus chegou esse mutirão, porque antes eu tratava o câncer de pele de forma particular, mas o dinheiro acabou… ou eu vinha pro Laureano ou o câncer já tinha me levado. Sou muito grato a Deus por fazer essa cirurgia”, celebra o paciente.

A médica Kamila Magno explica que por conta da covid-19, muitos pacientes deixaram de procurar o dermatologista e só agora voltaram a ter acompanhamento dermatológico. “Com esse retorno, percebemos a presença de lesões maiores. Então, como não tivemos o mutirão no mês passado em alusão ao ‘Dezembro Laranja’, convidamos médicos de outros estados para virem nos ajudar e eles se dispuseram a operar conosco nesse mutirão que foi um sucesso”, destaca a coordenadora da Dermatologia do HNL.
Segundo a especialista, o câncer de pele é o mais frequente no corpo humano. “Como estamos no verão tentamos orientar aos pacientes e população o quanto é importante a não exposição ao sol. A maioria dos canceres de pele são evitáveis quando se usa a prevenção do filtro solar, das camisas de proteção ultravioleta e a não exposição em horários de pico”, explica a Dra. Kamila Magno.

Para a dermatologista do Rio de Janeiro-RJ, Fernanda Franco, foi um dia surpreendente. Sobretudo, pela cordialidade dos profissionais do HNL. “Esse é o terceiro mutirão que participo aqui no Laureano. Fazemos parte de um grupo de dermatologistas que se uniu para combater o câncer de pele de forma gratuita. Ficamos surpresos com a organização do Laureano e receptividade da equipe de enfermagem e administração do hospital. Fazemos isso por conta própria e foi excelente ver que pudemos aproveitar bem o momento para ajudarmos a salvar vidas. Com certeza participaremos outras vezes”, comenta a médica carioca.

O presidente da Fundação Napoleão Laureano fez questão de ressaltar a iniciativa do hospital em se unir a profissionais de outros estados para realizar um mutirão de cirurgias oncológicas. “Hoje foi um dia de muita gratidão aos médicos que vieram de fora para nos ajudar nessa luta contra o câncer. Somos o Hospital da Vida e sempre estaremos promovendo ações que possam devolver a esperança de dias melhores aos nossos pacientes”, pontua Marcelo Lucena Filho.

Continue Lendo

Paraíba

Solenidade: Leo Bezerra prestigiará posse na Assembleia e Cícero Lucena no Congresso Nacional

Publicado

em

Por

Redação do Portal da Capital

O vice-prefeito Leo Bezerra confirmou, na manhã desta terça (31/01), que representará o prefeito Cícero Lucena na posse dos deputados estaduais na Assembleia Legislativa da Paraíba. Leo destacou que Cícero está em Brasília e irá representar João Pessoa na posse dos deputados federais e senadores.

Leo afirmou Cícero também participará de reunião da Frente Nacional dos Prefeitos. “Pra mim será de forma muito tranquila a condução dos trabalhos na Capital que eu tanto amo.”, destacou.

Confira vídeo

Continue Lendo

Paraíba

Deputado Eduardo Brito deve aderir à bancada de situação na Assembleia Legislativa

Publicado

em

Por

Redação do Portal da Capital

O deputado estadual Eduardo Brito fez elogios a postura “republicana” de convocar todos os deputados de situação e oposição adotada pelo governador João Azevedo. Em entrevista ao @portaldacapital, Brito afirmou que seguira uma postura independente na Assembleia.

“Importante a postura do governador João Azevedo no dia de hoje, uma postura altamente republicana”, elogiou o parlamentar.

Eles destacou que não seguirá oposição e nem situação. “Votamos no governador João no primeiro turno e por questões locais não votamos no segundo. Mas adotamos uma postura independente, estamos adotando a posição da bancada do povo paraibano para o crescimento do estado”, explicou.

Confira vídeo

Continue Lendo