Nos acompanhe

Paraíba

Secretaria Municipal de Saúde realiza ação alusiva ao mês de combate à hanseníase

Publicado

em

A Prefeitura de João Pessoa, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), realizou, na tarde desta terça-feira (24), uma ação alusiva ao ‘Janeiro Roxo’, mês que tem por objetivo alertar a população para os principais sinais e sintomas da hanseníase e desmistificar a doença. O evento aconteceu na Unidade de Saúde da Família (USF) Alto do Céu Integrada, no bairro de Mandacaru.

De acordo com a direção da USF, a iniciativa de se trazer à tona a temática da hanseníase se dá pela importância de orientar a população sobre os sintomas da doença. “Orientamos as pessoas que apresentem manchas pelo corpo a procurarem uma unidade de saúde. Fazemos este trabalho de busca ativa entre a população, pois se alguma pessoa teve contato com um familiar ou alguém próximo que tem ou teve a hanseníase, deverá procurar imediatamente a USF. Estamos abertos nos dias úteis, das 7h às 11h e das 12h às 16h”, destacou a gerente da USF Alto do Céu Integrada, Lisandra Cariri.

Segundo a moradora do Alto do Céu, Marlene Souza, uma ação desse nível é uma boa chance de adquirir conhecimento sobra a hanseníase. “Essa ação traz um grande conhecimento aos usuários do SUS, pois tem gente que ainda não sabe e vão sair daqui bem informados, confiantes e sabendo o diagnóstico correto sobre essa doença”, revelou.

Para a médica Albanete Lima, considerando que o Brasil é o segundo país do mundo em número de casos, o evento desta terça-feira faz a busca ativa de pacientes que possam ter a hanseníase sem saber que estão infectados. “Quanto mais pessoas diagnosticadas e fazendo o tratamento da hanseníase, mais pessoas deixarão de transmitir a doença, por isso nossa busca ativa é voltada às pessoas que têm alguma lesão na pele de um modo geral, porque a hanseníase se manifesta de várias formas na pele”, pontuou a médica.

Janeiro Roxo – Janeiro é um mês pontual para discutir e refletir sobre a hanseníase como problema de saúde pública e potencializar as ações para sua eliminação. Voltada para esses cuidados, a Prefeitura de João Pessoa possui tratamento gratuito e disponível no Sistema Único de Saúde (SUS), desde a primeira consulta, realizada na Unidade de Saúde da Família, até um tratamento mais específico, nas unidades de referência.

Tratamento na rede pública – Os usuários com sinais e sintomas da doença podem procurar a Atenção Básica, por meio das Unidades de Saúde da Família (USF). Lá, eles são identificados pela equipe de saúde, sendo avaliados e, caso o diagnóstico médico venha ser confirmado, a equipe solicita medicação, notifica junto ao Sistema de Informação e segue acompanhando o paciente e os comunicantes durante todo período de tratamento.

Atividades do Janeiro Roxo na Capital – Nesta quarta-feira (25), no auditório do Hospital Clementino Fraga (referência estadual no tratamento da hanseníase), a SMS-JP vai participar de uma atualização sobre o papel do farmacêutico nas ações de controle da doença, com a presença de um profissional da unidade hospitalar. Já no próximo dia 30, está programado para acontecer, na Faculdade Uniesp, o 3º Seminário de Enfrentamento da Hanseníase em João Pessoa, destinado aos profissionais da Atenção Básica da rede municipal de saúde, com palestras, atividades, atualizações e informações acerca do tema.

Hanseníase – A hanseníase é uma enfermidade crônica, milenar e cercada de estigmas. Embora exista esse contexto, a doença pode evoluir à cura quando o tratamento é feito de maneira correta. Causada pela bactéria Mycobacterium leprae, a hanseníase é caracterizada por manchas com alterações na sensibilidade (quando atinge os nervos), afetando principalmente membros superiores, inferiores e podendo ainda afetar a visão. Caso não seja tratada no tempo oportuno, a doença pode levar a uma incapacidade permanente.

Continue Lendo

Paraíba

HNL realiza mutirão de cirurgias em alusão a prevenção do câncer de pele

Publicado

em

Por

Redação do Portal da Capital

Um dia repleto de esperança no Hospital Napoleão Laureano! Nesse fim de semana, o setor de dermatologia realizou o mutirão de cirurgias contra o câncer de pele em cerca de 30 pacientes oncológicos do HNL. Uma ação que contou com a participação de cirurgiões dermatológicos dos estados de São Paulo, Minas Gerais, Rio de Janeiro e do Rio Grande do Sul que vieram participar de forma voluntária desse dia de muito trabalho e solidariedade.

Seu Gilvado Inácio da Silva, 69 anos, foi um dos pacientes contemplados pelo mutirão e afirma que foi um dia de muita alegria. “Hoje estou feliz todo! Uma grande felicidade tirar essas ‘murrinhas’ que estavam ‘comendo meu couro’. Graças a Deus chegou esse mutirão, porque antes eu tratava o câncer de pele de forma particular, mas o dinheiro acabou… ou eu vinha pro Laureano ou o câncer já tinha me levado. Sou muito grato a Deus por fazer essa cirurgia”, celebra o paciente.

A médica Kamila Magno explica que por conta da covid-19, muitos pacientes deixaram de procurar o dermatologista e só agora voltaram a ter acompanhamento dermatológico. “Com esse retorno, percebemos a presença de lesões maiores. Então, como não tivemos o mutirão no mês passado em alusão ao ‘Dezembro Laranja’, convidamos médicos de outros estados para virem nos ajudar e eles se dispuseram a operar conosco nesse mutirão que foi um sucesso”, destaca a coordenadora da Dermatologia do HNL.
Segundo a especialista, o câncer de pele é o mais frequente no corpo humano. “Como estamos no verão tentamos orientar aos pacientes e população o quanto é importante a não exposição ao sol. A maioria dos canceres de pele são evitáveis quando se usa a prevenção do filtro solar, das camisas de proteção ultravioleta e a não exposição em horários de pico”, explica a Dra. Kamila Magno.

Para a dermatologista do Rio de Janeiro-RJ, Fernanda Franco, foi um dia surpreendente. Sobretudo, pela cordialidade dos profissionais do HNL. “Esse é o terceiro mutirão que participo aqui no Laureano. Fazemos parte de um grupo de dermatologistas que se uniu para combater o câncer de pele de forma gratuita. Ficamos surpresos com a organização do Laureano e receptividade da equipe de enfermagem e administração do hospital. Fazemos isso por conta própria e foi excelente ver que pudemos aproveitar bem o momento para ajudarmos a salvar vidas. Com certeza participaremos outras vezes”, comenta a médica carioca.

O presidente da Fundação Napoleão Laureano fez questão de ressaltar a iniciativa do hospital em se unir a profissionais de outros estados para realizar um mutirão de cirurgias oncológicas. “Hoje foi um dia de muita gratidão aos médicos que vieram de fora para nos ajudar nessa luta contra o câncer. Somos o Hospital da Vida e sempre estaremos promovendo ações que possam devolver a esperança de dias melhores aos nossos pacientes”, pontua Marcelo Lucena Filho.

Continue Lendo

Paraíba

Solenidade: Leo Bezerra prestigiará posse na Assembleia e Cícero Lucena no Congresso Nacional

Publicado

em

Por

Redação do Portal da Capital

O vice-prefeito Leo Bezerra confirmou, na manhã desta terça (31/01), que representará o prefeito Cícero Lucena na posse dos deputados estaduais na Assembleia Legislativa da Paraíba. Leo destacou que Cícero está em Brasília e irá representar João Pessoa na posse dos deputados federais e senadores.

Leo afirmou Cícero também participará de reunião da Frente Nacional dos Prefeitos. “Pra mim será de forma muito tranquila a condução dos trabalhos na Capital que eu tanto amo.”, destacou.

Confira vídeo

Continue Lendo

Paraíba

Deputado Eduardo Brito deve aderir à bancada de situação na Assembleia Legislativa

Publicado

em

Por

Redação do Portal da Capital

O deputado estadual Eduardo Brito fez elogios a postura “republicana” de convocar todos os deputados de situação e oposição adotada pelo governador João Azevedo. Em entrevista ao @portaldacapital, Brito afirmou que seguira uma postura independente na Assembleia.

“Importante a postura do governador João Azevedo no dia de hoje, uma postura altamente republicana”, elogiou o parlamentar.

Eles destacou que não seguirá oposição e nem situação. “Votamos no governador João no primeiro turno e por questões locais não votamos no segundo. Mas adotamos uma postura independente, estamos adotando a posição da bancada do povo paraibano para o crescimento do estado”, explicou.

Confira vídeo

Continue Lendo