Nos acompanhe

Brasil

Fake News: Lula abandonou missa após ser chamado de ‘bandido’ por padre?

Publicado

em

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva segue como um dos alvos preferidos dos criadores de boatos da internet brasileira. Depois de duas notícias falsas sobre agressões ao petista em restaurantes, ambas desmentidas pelo Me engana que eu posto (leia aqui e aqui), os especialistas em propagar mentiras online inovaram. O cenário da mais recente lorota do gênero envolvendo Lula é uma igreja e o responsável por desancá-lo publicamente teria sido um padre. “Padre interrompe missa ao notar presença de Lula ‘Na minha igreja não entra bandido’”, é o título do boato, segundo a Veja.

O responsável pela notícia falsa, compartilhada cerca de 65.000 vezes em redes sociais e no WhatsApp, é o site Sociedade Oculta, notório pelas mentiras que publica. Leia abaixo a “reportagem”:

Padre interrompe missa ao notar presença de Lula ‘Na minha igreja não entra bandido’

Padre José [sic.] apesar da idade avançada [sic.] é conhecido por ser um grande crítico da esquerda, ministrando até mesmo sermões em apoio da Lava-jato e apoiando o impeachment de Dilma.

A missa foi interrompida e padre José fez questão de ressaltar que todos que vão contra uma operação que tem como finalidade prender corruptos são inimigos da igreja [sic.].

“Aqui na casa de Deus acolhemos todo mundo desde que se arrependa de seus atos, hoje está aqui presente um senhor condenado e que jura não ser culpado dos crimes que cometeu além de apoiar o socialismo, e são valores que não são bem vindos nessa santa igreja”.

Lula [sic.] muito comovido [sic.] conforme quem estava presente [sic.] se assustou no mesmo momento [sic.] levantou do banco e seguiu sentido a [sic.] porta da igreja cabisbaixo, com semblante de desapontado com a situação que ocorreu.

Em seguida o padre ressaltou que não admite esse [sic.] tipos de pessoas que se fazem de inocentes e vão a [sic.] igreja pra tentar ganhar credibilidade passando uma visão de que a igreja [sic.] prega a mentira.

Há três características que não deixam dúvidas sobre a falsidade da notícia. A primeira a ser notada, como o Me engana que eu posto frequentemente alerta, é a quantidade de erros no texto. O autor do boato despreza a vírgula e faltou às aulas sobre o uso da crase. Uma reportagem com credibilidade não seria publicada com tantos equívocos.

Os outros dois pontos a serem notados pelo leitor são a imprecisão da informação e a falta da notícia em veículos de comunicação confiáveis. O texto não informa onde a suposta missa teria acontecido, não menciona o sobrenome de “Padre José” e nem a paróquia pela qual ele é responsável. Caso Lula tivesse mesmo passado por tal infortúnio durante uma celebração religiosa, ademais, certamente não faltariam registros dele em sites de revistas e jornais e em emissoras de TV.

‘Blog de humor’

O Sociedade Oculta se autoclassifica como um site que faz piadas a partir de notícias falsas. As indicações de que se trata de conteúdo humorístico não são nada fáceis de notar, no entanto. No pé da página, em letras miúdas, o blog informa que “é um site de humor com noticias sem meias verdades”. Suas publicações também têm sido acompanhadas de pequenas “tags”, como “Humor Fake News” e “Lendas da Internet”.

Embora tenha reconhecido que só publica (péssimas) piadas, o Sociedade Oculta ainda é encontrado em buscas no Google como “Seu Portal de Notícias em Tempo Real” e “Acompanhe todos os dias as notícias mais impactantes aqui em tempo real, fique por dentro do que esta acontecendo pelo país!”. Ou seja, o leitor mais desavisado pode facilmente se confundir.

 

Continue Lendo

Brasil

Imprensa nacional relembra escândalo e critica presença de Santiago na posse de Cappelli

Publicado

em

Por

Redação do Portal da Capital

A imprensa nacional relembrou escândalo envolvendo o nome do deputado federal paraibano licenciado Wilson Santiago (Republicanos) e criticou a presença dele na cerimônia de posse de Ricardo Cappelli na Presidência da Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI).

Na matéria publicada pela Folha, nesta sexta-feira (23/02), o escândalo do desvio de verbas públicas de obras contra a seca registrada no Sertão da Paraíba, e o suposto envolvimento de Santiago, foram lembrados. Bem como as articulações para nunca ter sido julgado de fato.

Confira a íntegra da matéria publicada no texto logo baixo ou clicando aqui:

Envolvido em escândalo de desvio de verba contra a seca comparece a posse de Cappelli

Envolvido em escândalo de desvio de verbas públicas de obras contra a seca no sertão da Paraíba, o secretário de Representação Institucional do governo paraibano, Wilson Santiago (Republicanos), participou da posse de Ricardo Cappelli como presidente da ABDI (Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial).

Santiago, que se licenciou em janeiro como deputado federal para assumir o cargo no governo estadual, chegou ao Ministério do Planejamento quando o evento já havia começado e ficou até o último discurso, feito pelo vice-presidente Geraldo Alckmin (PSB).

Em 2019, Santiago teve o mandato suspenso por ordem do STF (Supremo Tribunal Federal) em meio a investigações de desvio de verbas públicas de obras contra a seca no sertão da Paraíba.

A representação ficou parada por mais de dois anos na Mesa Diretora da Casa até que o processo fosse aberto. Até o final da legislatura passada, o parecer preliminar, elaborado pelo deputado Alexandre Leite (União Brasil-SP), não foi apreciado pelo colegiado.

Mesmo após o escândalo, Santiago postou vídeo pedindo que o governo do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) liberasse verbas para trecho de uma obra em que ele é acusado de receber R$ 1,2 milhão em propina.

Continue Lendo

Brasil

Daniella Ribeiro reforça pauta em defesa das mulheres e pessoas com deficiência no orçamento de 2024

Publicado

em

Por

Redação do Portal da Capital

A senadora e presidente da Comissão Mista do Orçamento (CMO) do Senado Federal, Daniella Ribeiro (PSD), se reuniu, nesta quinta-feira (22/02), com o ministro da Secretaria de Relações Institucionais, Alexandre Padilha.

O encontro serviu para alinhar a execução orçamentária do ano vigente de 2024.

Na retomada dos trabalhos do Congresso Nacional, Daniella aproveitou para reforçar a importância de garantir políticas públicas voltadas à defesa das mulheres, pessoas com deficiência e portadores do Transtorno do Espectro Autista (TEA).

Em publicação nas redes sociais, a parlamentar deu mais detalhes sobre as articulações da entrega das emendas. “Em março, nos reuniremos novamente para dar continuidade sobre os debates sobre o orçamento e execução de emendas, com foco nos programas prioritários”, concluiu.

Confira:

Continue Lendo

Brasil

Ruy propõe criação de cartilha informativa sobre Transtorno do Espectro Autista na rede educacional

Publicado

em

Por

Redação do Portal da Capital

O deputado federal paraibano, Ruy Carneiro (PSC), protocolou na Câmara dos Deputados, uma indicação ao Ministério da Educação para propor a criação de uma cartilha sobre a conscientização do Transtorno do Espectro Autista (TEA) voltada para a rede educacional do país.

A iniciativa do parlamentar partiu após o apelo da população em promover mais inclusão e respeito ao público, principalmente durante a fase de ensino nas escolas.

“Apesar da significativa representatividade dessa parcela da população, observa-se a escassez de políticas públicas efetivas direcionadas à inclusão desta parcela da sociedade. A ausência de medidas concretas pode comprometer a qualidade de vida e a plena participação desses indivíduos na sociedade”, justificou o deputado na matéria.

A Câmara deverá enviar a indicação da cartilha ao Ministério da Educação nos próximos dias. Após o recebimento, o Governo Federal tem o prazo de 45 dias para responder sobre a demanda.

Confira:

Continue Lendo