Nos acompanhe

Paraíba

Bruno cria comissão para avaliar novo reajuste dos professores da rede municipal de Campina Grande

Publicado

em

Em entrevista ao telejornal ITN (Rede Ita), na noite desta terça-feira, 24, o prefeito Bruno Cunha Lima informou que uma comissão, do governo municipal, está avaliando a questão do reajuste do piso salarial dos professores.

A comissão é integrada pelo secretário de Educação, Raymundo Asfora Neto; secretário de Finanças, Gustavo Braga; e pelo presidente do Instituto de Previdência do Município (Ipsem), Antônio Hermano.

De acordo com Bruno, estão sendo feitas todas as projeções para verificar o impacto do percentual de aumento dos professores, nas finanças do Município.

Confirme o prefeito, os professores representam a parcela mais expressiva da folha de pagamento da Secretaria de Educação. Em 2022, foi concedido, de forma integral, 33% de aumento a todos os professores.

Para este ano, nos próximos dias, já deve ser anunciado o percentual e a forma de pagamento do futuro aumento para a categoria.

Obras

Durante a entrevista, o prefeito de Campina Grande foi questionado, pelos telespectadores, sobre diversos assuntos e, em uma das respostas, elencou diversas obras que a atual gestão pretende executar na cidade, este ano.
Entre elas, a retomada das obras do Canal de Bodocongó, do Canal de Santa Rosa, a abertura da Avenida Plínio Lemos e da Avenida Félix Araújo (antiga Avenida Tavares), a recuperação do Parque do Açude Novo e de outros equipamentos públicos, além da construção e/ou reforma de escolas e creches.

Bruno destacou que o governo está empenhado, também, na conclusão do Hospital da Criança e, para isso, estão sendo feitos os projetos complementares, a exemplo de climatização, instalações e reuso de água, trabalho este executado por uma empresa especializada em Engenharia Clínica. “Até junho ou julho, deverá acontecer o processo licitatório da obra”, disse.

Turismo

O prefeito informou que vai apresentar brevemente, em entrevista coletiva, os números referentes à movimentação econômica do Natal Iluminado de 2022. Também disse que o setor turístico será grandemente contemplado na futura reforma administrativa municipal.

Concursos

Lembrou que em 2021, houve um dos maiores concursos da história administrativa de Campina Grande. Foram ofertadas mil vagas já no primeiro ano de gestão, com praticamente 70% dos aprovados já nomeados. “Mas agora, entre fevereiro e março, haverá o anúncio de mais um grande número de nomeações, além do lançamento do edital do novo concurso, que deve acontecer no meio do ano, contemplando mais de 500 vagas em áreas como STTP, Vigilância Sanitária, Vigilância Ambiental e Ensino Fundamental”, concluiu.

Continue Lendo

Paraíba

Aliado de Cícero admite abandonar projeto para apoiar pastor Sérgio na disputa pela PMJP

Publicado

em

Por

Redação do Portal da Capital

O vereador Coronel Sobreira (MDB), da Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP), admitiu, nesta quinta-feira (22/02), a possibilidade de abandonar o projeto de apoio à reeleição do prefeito Cícero Lucena (PP), migrar para o Partido Novo e apoiar o pastor Sérgio Queiroz, caso ele resolva entrar na disputa pelo comando da Prefeitura Municipal nas Eleições 2024.

Sobreira adiantou que deverá participar da consulta interna na Cidade Viva e dirá “sim” à iniciativa da pré-candidatura de Queiroz a prefeito da Capital paraibana.

O MDB, na CMJP, conta atualmente com uma bancada formada, ao todo, por três vereadores que fazem parte da base aliada de Cícero: Coronel Sobreira, Marcelo da Torre e Mikika Leitão. Sobreira, no entanto, aparentemente por identidade religiosa, se mostrou eufórico com a possibilidade de ter um evangélico à frente da Administração Pública Municipal pessoense.

Os comentários do vereador foram registrados pelo programa Correio Debate, da 98 FM, de João Pessoa, nesta quinta-feira (22/02).

Confira o áudio:

Continue Lendo

Paraíba

Eleições 2024: MDB segue ‘sem rumo’ na disputa pela Prefeitura de João Pessoa

Publicado

em

Por

Redação do Portal da Capital

O presidente estadual do MDB, senador Veneziano Vital do Rêgo, afirmou nesta quinta-feira (22/02) que o rumo da legenda com vistas às Eleições 2024 ainda não está definido.

Segundo Veneziano, não há uma data marcada, mas, uma reunião deve ser realizada até meados do próximo mês de março.

O senador assegurou, porém, que não há razão para precipitação.

Os comentários de Veneziano foram registrados no programa Arapuan Verdade, da Rádio Arapuan, de João Pessoa, nesta quinta-feira (22/02).

Confira o áudio:

 

Obstáculo

O vereador Marcelo da Torre (MDB), da Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP), em entrevista recente, afirmou que tanto dele como os vereadores Mikika Leitão e Coronel Sobreira faziam coro junto à torcida dos que querem que o MDB permaneça ao lado da gestão do prefeito Cícero Lucena (PP).

Leia também: Emedebista ameaça deixar partido caso Veneziano não formalize apoio à reeleição de Cícero

Marcelo chegou a afirmar que caso o apoio político ao prefeito de João Pessoa não seja confirmado por Veneziano, uma “debandada” poderia ser registrada na legenda em João Pessoa.

Continue Lendo

Paraíba

Vereador apresenta Projeto de Lei para multar usuários de drogas em João Pessoa

Publicado

em

Por

Redação do Portal da Capital

O vereador bolsonarista, Tarcísio Jardim (PL), apresentou um Projeto de Lei (PL) que prevê aplicação de multa aos usuários de drogas em João Pessoa, Capital paraibana.

O PL nº 1631/2024, apresentado na terça-feira (20/02), e que “Institui sanções administrativas a serem aplicadas pelo Município às pessoas que forem flagradas em áreas e logradouros públicos fazendo uso de drogas ilícitas, e dá outras providências” é, porém, similar ao apresentado no dia 29 de janeiro de 2024, pelo deputado estadual bolsonarista Wallber Virgolino (PL), que “Dispõe sobre as sanções administrativas aplicadas às pessoas que forem flagradas em áreas e logradouros públicos fazendo uso de drogas ilícitas em desacordo com determinação legal ou regulamentar, no âmbito do Estado da Paraíba“.

As iniciativas, porém, são avaliadas por especialistas como inconstitucionais uma vez que a Lei de Drogas (11.343/2006) já trata a questão em âmbito federal, também em desfavor de “quem adquirir, guardar, tiver em depósito, transportar ou trouxer consigo, para consumo pessoal, drogas sem autorização ou em desacordo com determinação legal ou regulamentar“, como diz o “Art. 28.“, prevendo, inclusive, multa, não cabendo, portanto, aos municípios legislar sobre o tema.

Clique aqui e confira a íntegra do PL apresentado por Tarcísio Jardim em 20 de fevereiro de 2024.

Clique aqui e confira a íntegra do PL apresentado por Wallber Virgolino em 29 janeiro de 2024.

Clique aqui e confira a íntegra da Lei Federal em vigor desde 23 de agosto de 2006.

O vereador argumenta que a iniciativa é uma “tendência que já vem ao redor do país“.

Confira o áudio:

 

Continue Lendo