Nos acompanhe

Paraíba

São João em JP: Matheus Fernandes, Brasas do Forró, João Lima e Os Filhos do Forró animam esta 5ª

Publicado

em

Com sucesso de público, o São João Multicultural de João Pessoa chega a sua terceira noite nesta quinta-feira (23), repleto de atrações no Parque Solon de Lucena, no Centro da Capital. O público será embalado pelos shows de Matheus Fernandes, Brasas do Forró, João Lima e Os Filhos do Forró. Os shows começam a partir das 19h.

O grande nome da noite é o cantor Matheus Fernandes. O cearense é dono de um dos hits mais tocados do país na atualidade. A música ‘Balanço da Rede’, que ele canta ao lado de Xand Avião, é a primeira colocada no aplicativo de streaming Deezer e a segunda no Spotify, além de ser uma das canções mais pedidas nas rádios brasileiras.

A banda cearense Brasas do Forró também promete não deixar ninguém parado com o seu tradicional forró das antigas. Além das atrações já citadas, o São João Multicultural de João Pessoa segue dando espaço aos artistas da terra, com shows de João Lima e Os Filhos do Forró.

Para a realização do São João, foi montada uma grande estrutura para receber a população pessoense e os turistas. O palco principal está localizado próximo ao Lyceu Paraibano e perto do espaço ainda foi desenvolvida uma cidade cenográfica, montagens de tendas, parques e também ilhas de forró.

O São João Multicultural é organizado pela Prefeitura de João Pessoa, através sua Fundação Cultural (Funjope), e conta também com o apoio das Secretarias de Segurança Urbana e Cidadania (Semusb), Saúde (SMS), Desenvolvimento Urbano (Sedurb), Superintendência Executiva de Mobilidade Urbana (Semob-JP) e Autarquia Especial Municipal de Limpeza Urbana (Emlur). Além do apoio da Polícia Militar, Polícia Civil e Corpo de Bombeiros.

Os trios de forró também fazem a alegria de quem estiver no Parque Solon de Lucena. Nesta quinta-feira, véspera de São João, se apresentam os grupos Xoteando e Expressão Nordestina.

Confira programação completa:

São João – Parque Solon de Lucena

Quinta-feira (23)

Matheus Fernandes

Brasas do Forró

João Lima

Os Filhos do Forró

Trios de forró

Xoteando

Expressão Nordestina

Sexta-feira (24)

Nando Cordel

Mara Pavanelly

Israell Muniz

Fabrício Rodrigues

Trios de forró

Xameguinho do Forró

Tamborete de Forró

Confira imagens:

 

Continue Lendo

Paraíba

São João: confira programação de shows para esta quinta em algumas das principais cidades na PB

Publicado

em

Os festejos juninos nas cidades da Paraíba continuam em pleno vapor após dois anos de suspensão por causa da pandemia provocada pelo Coronavírus. E para festejar o retorno das festividades as Prefeituras prepararam programações recheadas de grandes nomes e as melhores atrações para animar o público em geral.

Confira a programação de shows em algumas das principais cidades paraibanas para esta quinta-feira (23/06):

João Pessoa – Com sucesso de público, o São João Multicultural de João Pessoa chega a sua terceira noite nesta quinta-feira (23), repleto de atrações no Parque Solon de Lucena, no Centro da Capital. O público será embalado pelos shows de Matheus Fernandes, Brasas do Forró, João Lima e Os Filhos do Forró. Os shows começam a partir das 19h. O público ainda pode conferir os trios de forró Xoteando e Expressão Nordestina.

Campina Grande – A noite desta quinta (23) levará ao palco principal do ‘Maior São João do Mundo’ a cantora Elba Ramalho, que contará com uma participação especial da ex-BBB Juliette Freire durante o show e, ainda, apresentações dos cantores Nattan, Diego Faria e Tony Dumond. Já o “São João nos Bairros” tem levado muita animação por meio dos trios de forró e apresentações culturais de quadrilhas juninas e grupos folclóricos nos bairros de Campina Grande. A apresentação desta quinta (23) acontecerá na Praça Maria Sueli Cabral Santos, na Rua Luiz Sodré Filho com a Rua Petrônio Figueiredo, Bairro Sandra Cavalcante.

Cabedelo – O Arraiá do Litoral volta a levar o colorido e a animação do período junino para a Praça Getúlio Vargas, no Centro de Cabedelo. A partir dessa quinta-feira (23), moradores e visitantes poderão matar a saudade e arrastar o pé com uma programação preparada pela Prefeitura Municipal de Cabedelo com grandes atrações e todo resgate da cultura local. Quem abre os festejos na véspera de São João é a Quadrilha Junina Expresso do Litoral e os cantores Alberto Bakana e Mô Lima, a partir das 22h. No bairro do Renascer também tem São João. Por lá, no dia 23, apresentam-se as bandas Stylo Ousado e Alberto Bakana. A festa acontece na Rua Raul Seixas (ao lado da Projecta), a partir das 19h. Já o Casarão do Padre – Espaço Criativo vai receber a Vila do Cabedelo. Por lá, a partir das 17h, haverá forró pé de serra e venda de comidas e artesanato, além de um espaço temático decorada para fotos e visitação.

Santa Rita – Nesta quinta-feira (23/06) a população de Santa Rita poderá prestigiar e curtir show com a cantora Walkyria Santos e ainda, Osmideo Neto e WG Brocador.

Santa luzia – O São João de Santa Luzia que é reconhecido como patrimônio cultural imaterial do Estado da Paraíba, por meio da Lei Estadual nº 11.160/2018 levará ao público nesta quinta-feira (23), shows com Matheus & Kauan, Gil Mendes, Woxton Nóbrega e Geová do Acordeon.

Patos – Os festejos juninos desta quinta-feira (23), em Patos, ficarão por conta das apresentações dos cantores Felipe Amorim, Matheus e Kauan, Zé Cantor, Ítalo e Forró das Antigas, Padú Frajolaz e As Meninas.

 

Continue Lendo

Paraíba

Estado destina R$ 1,9 mi para São João de Bananeiras, Patos, Monteiro e Santa Luzia, mas zera em CG

Publicado

em

A destinação de recursos estaduais para festas juninas, na Paraíba, sempre foi motivo de polêmica. Historicamente algumas prefeituras reclamam da falta de incentivos, enquanto outras comemoram. Este ano, o Governo do Estado destinou R$ 1,9 milhão para quatro cidades paraibanas que realizam tradicionais festejos juninos.

Mas, de acordo esta matéria originalmente publicada pela coluna Pleno Poder, que é assinada pelo jornalista João Paulo Medeiros, o ‘Maior São João do Mundo’, de Campina Grande, não recebeu patrocínio estadual.

Extratos dos contratos publicados no Diário Oficial mostram que o São João de Bananeiras, por exemplo, recebeu R$ 700 mil em patrocínio. Já em Patos e Monteiro o valor é de R$ 500 mil para cada um dos eventos. Nos três casos, os festejos são gerenciados por empresas privadas, assim como ocorre em Campina.

 

 

Já para o São João de Santa Luzia, no Sertão, foram R$ 200 mil investidos – conforme a Secretaria de Cultura do Estado. Nesse caso, um convênio foi firmado diretamente com o município.

 

Diante da falta de recursos destinados ao Maior São João do Mundo, o Governo tem dito que investe nos serviços de segurança, saúde e também através do Programa Empreender.

Foram R$ 2 milhões disponibilizados em forma de empréstimo para os barraqueiros do Parque do Povo. Dinheiro que será pago, posteriormente, pelos barraqueiros. Em Campina o Governo também realiza o Salão do Artesanato, assim como faz em João Pessoa.

As duas teses, cá entre nós, não justificam a falta de patrocínio para a maior festa de São João do país. Primeiro porque os serviços de segurança e saúde também estão presentes nas demais festividades (Bananeiras, Patos, Monteiro e Santa Luzia). Depois, é preciso considerar que os recursos do Empreender, como já disse, serão pagos pelos barraqueiros. Ou seja: não podem entrar na ‘conta’ de investimentos.

E mais: o Governo do Estado, independente das cores das gestões envolvidas, dá um tiro no pé ao não apoiar com recursos a festa de Campina. O ‘Maior São João do Mundo’ é quem leva, de forma bem mais significativa, o nome da Paraíba para o restante do país. E é quem, também, impulsiona mais substancialmente a economia paraibana.

A festa, portanto, precisa ser tratada como um patrimônio do Estado!

Assim como fazem os pernambucanos…

Em Caruaru, este ano, são R$ 3,5 milhões investidos pelo Governo do Estado na festa. Por aqui, ficaremos com os serviços de segurança e saúde.

Outro lado

Ao Blog, o secretário de Cultura do Estado, Damião Ramos Cavalcanti, disse que a destinação dos recursos atendeu a critérios técnicos e considerou as necessidades de cada cidade.

“Foi criada uma Comissão técnica para avaliar. No caso de Campina o Estado entra com recursos bem mais significativos, do que nas outras cidades, para manter a Segurança e na área da Saúde”, justificou o secretário.

Além das cidades tradicionais, o Estado também destinou R$ 433 mil para o São João na Rede. O evento aconteceu em 12 cidades paraibanas. “Não houve São João tão bem apoiado como este deste ano”, lembrou Damião Ramos.

Continue Lendo

Paraíba

Defesa Civil Nacional reconhece situação de emergência em 53 cidades da PB atingidas pela estiagem

Publicado

em

O Governo Federal, por meio do Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR), reconheceu a situação de emergência em 53 cidades da Paraíba que enfrentam a estiagem. A portaria com os reconhecimentos foi publicada na edição desta quinta-feira (2) do Diário Oficial da União (DOU). Clique aqui para acessar.

A medida é válida para as seguintes cidades:

Água Branca
Aparecida
Barra de Santana
Belém do Brejo do Cruz
Bernardino Batista
Boa Ventura
Bom Sucesso
Bonito de Santa Fé
Brejo dos Santos
Cachoeira dos Índios
Cajazeiras
Cajazeirinhas
Carrapateira
Catolé do Rocha
Conceição
Condado
Coremas
Curral Velho
Diamante
Emas
Imaculada
Jericó
Joca Claudino
Juru
Lagoa
Lastro
Mãe D`Água
Marizópolis
Monte Horebe
Nazarezinho
Nova Olinda
Olho D’Água
Pedra Branca
Piancó
Poço Dantas
Poço de José de Moura
Pombal
Riacho dos Cavalos
Santa Cruz
Santa Helena
Santana dos Garrotes
São Bentinho
São Bento
São Domingos
São Francisco
São João do Rio do Peixe
São José da Lagoa Tapada
São José de Caiana
São José de Piranhas
Sousa
Triunfo
Uiraúna
Vieirópolis

Como solicitar recursos

Após a concessão do status de situação de emergência pela Defesa Civil Nacional, os municípios atingidos por desastres estão aptos a solicitar recursos do MDR para atendimento à população afetada. As ações envolvem restabelecimento de serviços essenciais e reconstrução de equipamentos de infraestrutura danificados.

A solicitação deve ser feita por meio do Sistema Integrado de Informações sobre Desastres (S2iD). Com base nas informações enviadas, a equipe técnica da Defesa Civil Nacional avalia as metas e os valores solicitados. Com a aprovação, é publicada portaria no DOU com a especificação do montante a ser liberado.

Capacitações da Defesa Civil Nacional

A Defesa Civil Nacional oferece uma série de cursos a distância para habilitar e qualificar agentes municipais e estaduais para o uso do S2iD, a partir do Plano de Capacitação Continuada em Proteção e Defesa Civil. As capacitações têm como foco os agentes de proteção e defesa civil nas três esferas de governo. Confira neste link a lista completa dos cursos de capacitação.

Continue Lendo